terça-feira, 29 de setembro de 2009

Uma nega de olhos bem apertadinhos...



Estava numa arrumação daquelas com meus papéis, e isso é sempre um parto em minha vida! Pois tenho uma imensa dificuldade em jogá-los fora. Futuramente vou precisar de um cômodo da casa só pra guardá-los.

Tem de tudo! Agendas antigas, cartas de amores passados, bilhetes, xerox de textos, cartas de amigos, livros da coleção vaga-lume. Enfim um verdadeiro arquivo, um bom acervo. Já tentei jogar tudo fora de uma vez, mas não tive força. Vou me desfazendo em doses homeomáticas. E é sempre com dúvidas que o faço, sempre acho que em algum momento vou precisar.

Mas essa postagem não é pra falar das minhas quinquilharias e sim pra falar da Pri, uma amiga muito querida e minha comadre. Já perdi as contas de quantos anos seguimos juntos nessa.

Bom, enquanto arrumava meu museu particular eu me deparei com um bilhetinho da Pri, numa folhinha bem pequena, cortada as pressas e com dizeres que me emocionaram depois de tanto tempo. A emoção rolou não somente pelas palavras, não somente por lembrar aquele momento, eu na maternidade horas depois do nascimento da Malu. Como foi importante receber esse bilhetinho. Emocionei porque lembrei quantas história vivemos eu e a Pri, quantas risadas, noites em claro, quantos medos e lágrimas divididas. Hoje seguimos nossos caminhos, diferentes e longes um do outro, mas não diminuiu um grãzinho meu amor.

Vou postar aqui o bilhetinho que recebi pra talvez (sim, ainda não estou certa que vou jogar fora) diminuir um pouco do meu arquivo em papel e ir criando um arquivo digital.

Lá vai:

Oi Val,

Tava aqui perto e tentei vir visitar vocês, mas como não pode, só vou deixar esse bilhete. Tô aqui fora, de coração, torcendo por vocês duas, fiquei sabendo que é uma meninona de 3 Kg. Parabéns! Não poderei vir + tarde porque tem o baile de formatura da Paty. Mas assim que puder te visitar eu vou. Tô louca pra ver o narizinho dela! Deve ser linda! Parabéns por mais essa vitória! Como sempre te falei (há 13 anos???), estou do seu lado.
beijo
Te amo,
ah, vocês duas!
Pri


A história dessa amizade daria uma belo livro. Já comecei escrever mas o tempo é meu inimigo em alguns momentos. Mas não desisto não, um dia termino!



2 comentários:

Sebastian Baltasar disse...

Q HIstoria....

Eh tão Bom fazer esssa limpeza...sempre achamos q estamos nos Livrando de coisas antigas e na vdd estamos eh Reenccontrando antigas emoções...

Mto Val...


Xaudades

Josi

Gisa Leão disse...

Lindo esse amor amigo!!!
É gostoso saber que ele ainda existe nas pessoas...